quarta-feira, 1 de janeiro de 2014

Ano Novo, vida velha.


“For last year's words belong to last year's language
And next year's words await another voice.
And to make an end is to make a beginning." T.S. Eliot 


Hoje cedo não houve Karaoke, só telefones a tocar incessantemente, obrigados e retribuições, beijinhos pelo éter e conversas infindáveis.

 A little boose ajuda a  lembrar lembranças de chorar a rir ; contar de 10 para trás, comer passas, abrir o espumante, brindar com os ruidosos tchin-tchin do costume, dar abraços pulos e brados loucos de saudação ao ano que entrou.

A seguir fomos  para a janela munidos do trem de cozinha, e começámos uma sinfonia infernal para afastar as negatividades, num simiesco e milenar ritual pagão,  gritar bom ano aos vizinhos que faziam o mesmo, e apesar de não nos conseguirmos ver , as nossas vozes guiavam os nossos ouvidos. E rimos como palermas quando saudámos uma senhora que afinal disse até ter bigode...



Finalmente chegou a melhor parte, aquela em que saudamos o Ano Novo entre lençóis quentinhos, e nos deixámos envolver pelo calor e pelo sono.





Feliz 2014




Depois de publicar este escrito,  vou tentar tirar o sabor a sapato velho que tenho na boca, vou à gaveta buscar o sorriso que guardo para os dias de festa, dou duas trincas no cabrito e vou a correr para a Minha Guerra. 

...same old same old... 


              

16 comentários:

  1. Feliz Ano Novo! Com que então deram bom uso ao trem de cozinha! Beijinhos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada. O trem ficou num belo estado de amolgamento :):) ... mas até eu estou meia amolgada, por isso... Beijinho Mara. Bom 2014

      Eliminar
  2. [bom que haja
    polpa e doçuras
    e flores no caminho.
    bom ano]

    abç

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "doçuras
      e flores no caminho." Gostei ! Obrigada Margoh. Bom 2014 para si também. Beijinho da D.

      Eliminar
  3. O ano só muda no calendário, porque nas nossas vidas não tem qualquer significado.
    Beijos. Bom 2014.
    Luisa

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre envelhecemos mais um anito. :):):) Tudo de bom. Beijinho D

      Eliminar
  4. Aqui não houve sequer barulho de tachos, e se não fosse pelo fogo de artifício nem se perceberia que um ano tinha chegado ao fim. Estive a arrumar a cozinha até às 5 horas, e hoje sinto-me completamente aparvalhada. Já não aguento deitar-me tarde!
    xx

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não me faz muita mossa, desde que durma/descanse pelo menos 4 horas. Quantas vezes não saio depois da meia noite e tenho que estar presente na Minha Guerra às 6:45h... Hoje foi um dia igual a tantos primeiros dias do ano : muita parra e pouca uva. É de loucos. Tudo o que eu quero agora é ouvir silêncio. Beijinho querida Laura e bom 2014.

      Eliminar
  5. Desejo-lhe um feliz ano novo com amor, boa saude e felicidade!
    Abracos, este ano 2014 vai ser muito bom, com certeza :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva Carolina, muito obrigada. Agradeço e retribuo melhores votos de um bom Ano Novo, com saúde e paz, porque o resto a gente faz. Beijinho. D

      Eliminar
  6. Aí os gins tõnicos ... Olha, bom começo de ano na tua guerra. Não te esqueças do que escreveste sobre a tolerância.
    Beijo. Ana Maria

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Miga Ana Maria, pensei bem e acho que a minha resolução de ano novo é que resolvi ignorar as resoluções e mandar a tolerância às urtigas. Tolerância é para com velhos, crianças e pobres de espírito e não há lugar no meu ser racional para tolerar estúpidos contumazes.
      Bom 2014. Beijinho. D

      Eliminar
  7. Bom ano, M D Roque :-)

    Beijocas

    R.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada, querido R. Que concretizes os teus desejos todos. Mereces. Beijinho. D

      Eliminar
  8. Desejo-lhe um excelente ano!
    Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Elisabete . Um Maravilhoso 2014 para si também . Beijo da D

      Eliminar

É aqui que me mandas dar uma curva