sábado, 11 de agosto de 2012

O Homem do Leme


Lá vem a Nau Catrineta,
que tem muito que contar!
Ouvide, agora, senhores,
Uma história de pasmar." 



 Quando eu era pequenina, a Avó ninava a canção do Barquinho, e eu chorava. Pobre barquinho, que fez  chape!!  no mar…







 Mal damos pelo tempo passar e já estamos a juntar números e letras, a aprender o
 B-A BA e o 1+1=2. Aprendemos sobre Portugal, sobre os Primitivos, os Bárbaros, os Gregos, os Romanos, os Arabes e o al Andalus, os Cristãos, o Condado e a Reconquista. 






Aprendemos principalmente sobre o mar e os marinheiros que montados em cascas de noz com mastros com as velas da Cruz de Cristo, cavalgavam as ondas por esses mares fora, sem medo do desconhecido, rasgando horizontes, enfrentando tempestades, colhendo para Portugal os frutos da imortalidade histórica.



 
 
 
 




Aprendemos que não há vento que nos desvie nem onda que nos afunde. Aprendemos que o homem do leme nos levaria sempre a bom porto , enfrentando intrepidamente  todos os mostrengos que lhe quisessem obstruir passagem: 




O MOSTRENGO

O mostrengo que está no fim do mar
Na noite de breu ergueu-se a voar;
A roda da nau voou três vezes,
Voou três vezes a chiar,
E disse: «Quem é que ousou entrar
Nas minhas cavernas que não desvendo,
Meus tectos negros do fim do mundo?»
E o homem do leme disse, tremendo:
«El-Rei D. João Segundo!»
«De quem são as velas onde me roço?
De quem as quilhas que vejo e ouço?»
Disse o mostrengo, e rodou três vezes,
Três vezes rodou imundo e grosso.
«Quem vem poder o que só eu posso,
Que moro onde nunca ninguém me visse
E escorro os medos do mar sem fundo?»
E o homem do leme tremeu, e disse:
«El-Rei D. João Segundo!»
Três vezes do leme as mãos ergueu,
Três vezes ao leme as reprendeu,
E disse no fim de tremer três vezes:
«Aqui ao leme sou mais do que eu:
Sou um povo que quer o mar que é teu;
E mais que o mostrengo, que me a alma teme
E roda nas trevas do fim do mundo,
Manda a vontade, que me ata ao leme,
De El-Rei D. João Segundo!                                                Fernando Pessoa in Mensagem




Não sei se é por estar a ficar (mais) velha, que me sinto nostálgica e derrotista, mas tem dias que estou a ver as notícias, sempre más, só tristezas, crimes e desgraças e me pergunto por onde andará o Homem do Leme… É que parece que temos andado á deriva por tanto tempo, e que não há ninguém com pulso firme para conduzir este barco através deste negrume de incontrolável turbulência.
O Homem do Leme tornou-se no D.Sebastião da era moderna, e voltará talvez numa manhã de nevoeiro. Só espero que ainda tenha visibilidade e visão  para poder encontrar Portugal …


"….
Dar-te-ei a nau Catrineta
Para nela navegar.
"Não quero a nau Catrineta
Que a não sei governar".
Que queres tu, meu gajeiro,
Que alvíssaras te hei-de dar?
"Capitão, quero a tua alma
Para comigo a levar".
Renego de ti, demónio,
Que me estavas a atentar!
A minha alma é só de Deus,
O corpo dou eu ao mar.
Tomou-o um anjo nos braços,
Não o deixou afogar.
Deu um estouro o demónio,
Acalmaram vento e mar;
E à noite a nau Catrineta
Estava em terra a varar."


E uma vontade de Rir......




5 comentários:

  1. Que falta nos faz um verdadeiro Homem do Leme...adorei o post!

    ResponderEliminar
  2. Já mataram o seu galo,
    que tinham para cantar.
    Já mataram o seu cão,
    que tinham para ladrar."

    "Já não tinham que comer,
    nem tão pouco que manjar.
    Deitaram sola de molho,
    para o outro dia jantar.
    Mas a sola era tão rija,
    que a não puderam tragar."
    Já faltou mais para fazermos o mesmo...

    ResponderEliminar
  3. Triste e verdadeiro, meninas...

    ResponderEliminar
  4. Olá Maria passei para conhecer seu blog ele é muito maneiro com excelente conteúdo gostaria de parabenizar pelo seu trabalho e desejar muito sucesso em sua caminhada e objetivo no seu Hiper blog e que DEUS ilumine seus caminhos e de seus familiares
    Um grande abraço e tudo de bom

    ResponderEliminar
  5. Obrigada Rodrigo, que bom que gostou ! Aguardo mais visitas suas e opiniões são sempre bem vindas. Tudo de bom para você também !!!!

    ResponderEliminar

É aqui que me mandas dar uma curva